Produtos > TV & Audio

Vale a pena comprar uma TV 8K

on 30-04-2019
Compartilhar

http://bit.ly/2VFolzS

Veja cinco motivos para adquirir um novo televisor QLED 8K

Imagem meramente ilustrativa

 

A Samsung, com exclusividade, apresentou ao mercado brasileiro a primeira TV 8K neste mês de abril, comprovando que, mesmo após 13 anos de liderança global no mercado de televisores, continua a inovar e oferecer os melhores produtos aos brasileiros. Se você pensa em comprar uma Smart TV 8K, mas ainda não conhece todas as suas vantagens, confira abaixo cinco motivos para adquirir a QLED 8K, modelo Q900.

 

1. Resolução 8K

 

A última e mais avançada resolução de mercado, a 8K1 dispõe de 33 milhões de pixels para formação das imagens, quatro vezes a mais que os modelos 4K (8 milhões de pixels) e 16 vezes mais que os televisores Full HD (2 milhões de pixels). Essa quantidade de pixels transmite ao consumidor a sensação de realidade perfeita, com contornos mais precisos, textura mais detalhada e maior profundidade nas cenas. Comprar uma TV 8K é a oportunidade para investir e estar preparado para o melhor.

 

2. Conteúdo

 

A captação de conteúdos em 8K já começa a ser uma realidade no Brasil. O lançamento da Samsung cria uma nova referência em resolução e gera a oportunidade para que emissoras e outros provedores de conteúdo locais e globais ampliem seu portfólio e se preocupem em captar e transmitir o que há de mais avançado no segmento. Isso tudo está acontecendo. São captações de filmes, eventos culturais, programas e até esportes em 8K. Portanto, assim como aconteceu com o 4K, em um curto espaço de tempo espera-se um alto crescimento da oferta de conteúdos com esse novo patamar de resolução.

 

3. Upscaling de imagem com inteligência artificial2

 

Enquanto o conteúdo de 8K nativo está em expansão, o consumidor pode aproveitar muito mais o seu conteúdo do dia a dia – todos aprimorados. O processador Quantum 8K, o mais avançado já visto em um televisor, é capaz de gerar um upscaling com o uso de inteligência artificial, refinando cenas mesmo daquele seu programa de TV por assinatura filmado em HD ou mesmo dos seus filmes, séries e programas via aplicativos, que já transmitem em 4K por streaming. Ou seja, o consumidor não está apenas limitado ao conteúdo nativo, mas é capaz de expandir seu aproveitamento em todo e qualquer conteúdo assistido, uma vez que o televisor reconhece e aprimora as imagens para que elas preencham os 33 milhões de pixels da tela da TV, deixando todos eles próximos da resolução 8K.

 

Essa identificação é realizada em tempo real, cena por cena, consultando um banco de imagens (são mais de 8 milhões delas em baixa e alta resolução) por categorias (paisagens, rostos, esportes, arquitetura, entre outros) na memória interna. Essas imagens são usadas como referência para completar os pixels faltantes, fazendo com que o usuário possa conferir o conteúdo, independente da fonte nativa (HD, Full HD, 4K, entre outras) em qualidade próxima da resolução 8K. Detalhes e texturas perdidas pela baixa resolução serão recriadas graças a esse processador com tecnologia inovadora.

 

4. Telas Grandes e PPP

 

Graças à quantidade de pixels por polegada da TV 8K (conceito PPP), o usuário conta com a maior imersão no conteúdo já proporcionada por uma TV, uma vez que os 33 milhões de pixels não se expandem para cobrir toda a extensão de telas de 65, 75 e até 82 polegadas. Pelo contrário eles permanecem compactos, praticamente invisíveis à distância. Para enxergá-los, é preciso basicamente colar o rosto à tela.

 

Essa vantagem permite inserir uma TV de tela grande em ambientes cada vez menores, sem nenhuma sensação de desconforto ou mal-estar. Com a QLED 8K Q900, é possível deixar uma TV de 65 polegadas 8K de 2 a 3 metros de distância do sofá da sala de estar do consumidor e ter um incrível aproveitamento do conteúdo assistido.

 

5. Além de tudo, a Q900 é uma QLED. Tecnologia que proporciona imagens ainda mais coloridas, brilhantes e cheias de contraste

 

Soma-se a todo o contexto de mais alta resolução do segmento de TV, o fato da Q900 ser uma TV da categoria QLED da Samsung e ter como base da formação de imagem a tecnologia de pontos quânticos, que proporciona 100% do volume de cor3 em todas as cenas. Além disso, a Q900 dispõe do “máximo do preto” através da tecnologia Direct Full Array4, que controla a iluminação por zonas (480 blocos), ajustando o brilho cena a cena, gerando um contraste mais apurado. Assim é possível desfrutar de cenas mais escuras com altíssima precisão e contraste, sem correr o risco de contar com interferências. E mais: a QLED TV Samsung ainda previne a sensação de um eventual vazamento de brilho ou impressão de um preto acinzentado. Com o HDR 40005, o maior nível de brilho das TVs Samsung, o produto chega para entregar níveis de detalhes ainda mais intensos e nítidos, exatamente como os diretores dos filmes planejaram.

 

“Como líder mundial na categoria de TV há 13 anos consecutivos, a Samsung foi a primeira a trazer para o consumidor brasileiro esse novo conceito de TV: a máxima resolução de imagem em uma QLED 8K. Agora, os usuários poderão ver muito mais detalhes em seus filmes, séries, games, esportes favoritos. Serão contornos mais precisos, texturas altamente detalhadas e uma incrível sensação de profundidade”, afirma Erico Traldi, Diretor de Produto da Divisão de TV e AV da Samsung Brasil.

 

O consumidor também poderá adquirir os produtos pelos canais online oficiais da marca ou em grandes parceiros.

 

Para mais informações, acesse: https://www.samsung.com/br/tvs/qled-tv/highlights/

Imagens em alta podem ser acessadas clicando AQUI.

 

1 A reprodução de materiais 8K é baseada nos padrões atuais de streaming, conectividade e decodificação de 8K. A reprodução de materiais que demandem novos padrões pode exigir a compra adicional de um adaptador.
 
2 A experiência pode variar de acordo com tipo e formato do conteúdo. IA Upscaling pode não ser aplicável a conexão com PC e certas condições do Modo Game.
 
3 O brilho máximo pode variar dependendo do modelo e do tamanho da TV. A “VDE”, Verband Deutscher Elektrotechniker, reconheceu oficialmente a QLED TV da Samsung como a 1ª TV no mundo capaz de produzir 100% do volume de cor disponível.
 
4 A numeração do Direct Full Array é baseada nas tecnologias de retroiluminação, antirreflexo e aprimoramento de contraste.
 
5 O HDR 4000 com 4.000 Nits que, em conjunto com a tecnologia HDR10+, otimiza os níveis de brilho da TV e produz cores e imagens cristalinas, revelando detalhes que costumavam ficar escondidos em cenas claras ou escuras. 4000 nits é uma referência aproximada medida no pico máximo de brilho de uma imagem. Para a Q900R de 65″ o pico máximo é de 3000 nits.
http://bit.ly/2VFolzS

Para temas relacionados a Atendimento ao Consumidor, por favor, acesse samsung.com/br/support.
Para solicitações de imprensa contate: samsungpr@inpresspni.com.br

Mapa do site

Topo